21/09: Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência

 

20140921

Segundo dados do Censo 2010, no Brasil há mais de 45,6 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência, quase um quarto da população. Mais surpreendente que as estatísticas é o fato de ainda constatarmos um número exíguo de pessoas com deficiência nas ruas, escolas, ambientes de trabalho, espaços públicos ou ocupando cargos políticos.

Os direitos das pessoas com deficiência estão garantidos pela Constituição Federal de 1988 e por uma das legislações mais avançadas do mundo. Há também diversos programas para a promoção do acesso a saúde, educação, formação e trabalho. Mas a realidade ainda está bem distante do papel.

Uma pesquisa feita em 2010 pelo Data Senado com 10.273 cidadãos mostrou que estamos avançando, mas ainda temos muito a conquistar. Mediante a pergunta “Você acredita que as pessoas com deficiência têm seus direitos respeitados no Brasil?”, 77% responderam que “não”.

Além de maior amparo do Estado, há ainda que se lutar contra o preconceito. Ainda hoje, alguns pais e mães não acolhem a presença de crianças com deficiência nas escolas, convivendo com seus filhos. Ao mesmo tempo, empresas alegam que não contratam pessoas com deficiência por não estarem preparadas – mas também não estão dispostas a investir na adaptação e formação necessárias para recebê-las.

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, celebrado em 21 de setembro, serve como momento de reflexão, fortalecimento e divulgação dessa importante luta por maior inclusão social. Veja como os voluntários do PEB podem ajudar a despertar essa consciência entre os alunos e as comunidades das escolas parceiras:

1. CIDADE PARA TODOS
Os alunos vão levantar as condições de acessibilidade dentro e nos arredores da escola, tendo em vista o atendimento às necessidades de alunos com deficiência ou moradores da comunidade. Para isso, eles seguirão um roteiro de observação, realizarão entrevistas e farão o registro de suas pesquisas em fotos para posterior compartilhamento.

2. GALERIA DE ATLETAS PARAOLÍMPICOS
A partir de pesquisa feita pelos alunos, será organizada uma galeria de atletas paraolímpicos brasileiros, contando suas histórias de superação e esforço individual. Dessa forma, vamos mostrar como essas pessoas se tornaram vitoriosas, à revelia das condições desfavoráveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *