Lombalgia

Lombalgia nada mais é do que dor na coluna ou a popular “dor nas costas”!

A coluna vertebral é responsável pela sustentação e movimentação do corpo, unindo delicadeza e resistência. É deliciada porque entre suas 33 vértebras passa a medula espinhal, estrutura sensível que funciona como canal de comunicação entre o cérebro e as demais partes do corpo. É resistente porque representa 40% do tamanho do ser humano e proporciona a flexibilidade e os movimentos realizados pelo corpo.

Qual a causa da dor?

A dor pode ser consequência da idade (fato que não é possível controlar), de noites mal dormidas, vícios posturais, esforços acima do normal, excesso de peso, falta de condicionamento físico, movimentos bruscos, fumo, pois este reduz a irrigação dos vasos nos discos vertebrais que protegem a coluna de altos impactos, ou de causas inflamatórias, nervosas ou reumáticas.

Em geral a dor é passageira e pode ser resolvida com simples repouso, mas se for intensa e repetitiva merece a atenção de um especialista.

Como prevenir a lombalgia?

  • Ao sentar, apoie as costas no encosto da cadeira de maneira que os joelhos fiquem acima do nível do quadril e os pés fiquem apoiados no chão. Se possível, use apoio para os pés e prefira cadeiras com braços, pois não forçam a coluna e facilitam no ato de levantar.
  • Ao carregar bolsas, malas e pacotes, divida o peso igualmente nos dois lados do corpo. Levar tudo utilizando somente um braço pode trazer dores na coluna.
  • Ao levantar objetos do chão, dobre os joelhos (fique de cócoras). Assim o peso será absorvido pelos músculos das penas e não pela coluna vertebral. Jamais curve pernas e costas para alcançar qualquer objeto, mesmo os mais leves.
  • Utilize banco ou escada sempre que o objeto estiver em uma altura acima de sua cabeça. Nunca estique as pernas ou force a coluna para alcançar o que deseja.
  • Quando for se vestir, sente-se. Realizar este ato em pé, pode provocar torção na coluna que resultará em dor.
  • Saia do sedentarismo realizando exercício físico orientado para fortalecimento da musculatura.
  • Inicie a reeducação alimentar, para o controle e redução do peso.

Com tratar e controlar a lombalgia?

As dicas de prevenção citadas anteriormente também podem fazer parte do tratamento!

O tratamento e o controle da dor variam de acordo com as causas e o grau da condição clínica do paciente, são eles:

  • Repouso
  • Medicações analgésicas e/ou anti-inflamatórias
  • Fisioterapia focada na analgesia
  • RPG (Reeducação Postural Global)
  • Acupuntura
  • Hidroterapia
  • Atividade física orientada, ginástica laboral, alongamento, entre outros.

Você sabia?

A Organização Mundial de Saúde (OMS) tem a estimativa de que aproximadamente 80% da população mundial sofrerá pelo menos um episódio de dor na coluna durante a vida!

No Brasil, 50 milhões de brasileiros por ano apresentam tal queixa!

E 80% dos casos de lombalgia são tratados clinicamente, enquanto 20% são tratados de forma cirúrgica.

Portanto, dê atenção a dor! Sigas as orientações! Procure um profissional da saúde especializado, inicie e realize o tratamento indicado corretamente e sem interrupções!

Fontes: http://www.brasil.gov.br/saude/2014/09/alongamentos-podem-prevenir-problemas-de-coluna (Portal Brasil)
http://www.einstein.br/einstein-saude/bem-estar-e-qualidade-de-vida/Paginas/dor-nas-costas.aspx (Einstein Saúde – Bem estar e qualidade de vida)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *